Um dupla foi presa em flagrante suspeita de furtar combustível de um caminhão-tanque, em Acreúna, interior de Goiás. O flagrante ocorreu na tarde desta segunda-feira (9/12), durante patrulhamento pela GO-040.

De acordo com a Polícia Militar, a equipe do Tático Operacional Rodoviário (TOR) do 1° Batalhão de Polícia Militar (BPM), recebeu informações de que dois homens estariam furtando combustível na região.

Em diligências, nas proximidades da GO-513, em Acreúna, os PMs flagraram uma dupla supostamente furtando combustível de um caminhão-tanque de uma transportadora, bem como fazendo armazenamento irregular do produto em uma residência. A prática, de acordo com a equipe, colocava em risco os vizinhos do local usado para armazenar o combustível furtado.

Os homens, que não tiveram as identidades reveladas, foram presos e encaminhados para a Delegacia da cidade. Eles foram autuados por furto qualificado.

Além de prender dupla suspeita de furtar combustível, PM encontra depósito clandestino, em Goiânia

Uma outra ação da Polícia Militar resultou na apreensão de 2 mil litros de combustível armazenados em um depósito clandestino, em Goiânia. Caso ocorreu em outubro. O depósito era localizado na mesma rua que um homem, que acabou preso, usava serralheria como fábrica clandestina de armas.

Os policiais souberam da prática ilegal através de denúncia anônima, diante disso começaram a investigar o caso. Após vários meses de investigações, os policiais do Giro foram ao local à paisana e encontraram o combustível sendo comercializado de forma ilegal.

Foram encontrados cerca de 93  galões, com capacidade para 30 litros cada, totalizando mais de 2 mil litros de combustível no depósito clandestino. No momento em que estavam no local, um homem, que é motorista de aplicativo, chegou no local para comprar o combustível. Diante disse, foi dada voz de prisão a ele e ao “comerciante”.

Ainda não há informações concretas sobre a origem do combustível, mas acredita-se que pode ter sido roubado. Entretanto, o caso segue sendo investigado para apurar as reais circunstâncias e identificar outros envolvidos.

 

Dia Online

(Total de Visitas 7 , 1 visitantes hoje)